Rolê no Santiago Bernabéu

by 16:19 0 comentários
Hoje é a véspera da final da Uefa Champions League entre dois times de Madri, e como coincidiu que eu já viria pra Espanha nessa época, decidi passar pela cidade para torcer e visitar o meu time em La Liga: o Real Madrid.

Essa é a segunda vez que eu visito o estádio Santiago Bernabéu, só que dessa vez eu escolhi um horário ruim, pois é o último horário do Tour Bernabéu (19:30h), e os monitores dão uma apressada pra dar tempo de ver tudo.


Mas mesmo rápido, vale a pena. Os troféus, antigos uniformes, telões contando a trajetória do clube, documentos e objetos históricos, as Bolas de Ouro de Figo, Zidane, Ronaldo Fenômeno e Cristiano Ronaldo, está tudo em exposição, no Museu do Real Madrid, dentro do estádio.


A parte mais emocionante sem dúvida fica nas arquibancadas e no banco de reservas, onde dá pra ficar bem perto do gramado. Só é ruim pra tirar foto. Na primeira vez que vim, tinha o sistema de aquecimento da grama no meio do gramado, e desta vez, um telão, pra passar a final da Champions.







Pro final do Tour, tem a loja com itens difíceis de achar no Brasil, como flâmulas e cachecóis (eu comprei um da final nas bancas pela rua), e vale tirar um tempo pra apreciar a arquitetura o estádio, que parece uma nave.

O ticket de entrada do Tour Bernabéu custa 19,90 euros, e o museu abre de 10:30h às 19 horas, entre segunda e sábado, e de 10:30h às 18:30h, em domingos e feriados. Em dia de jogo tem o tour, mas até cinco horas antes da partida.

Vale registrar que é bem difícil achar ingresso pra jogos da liga ou da Champions, que são vendidos antecipadamente. Pra comprar, ou você gasta uma fortuna com cambista, ou compra ingresso de fase mata-mata.


Eu vou assistir a final da Champions em um pub perto da Praça de Cibeles, por que o confronto acontece em Lisboa, e eles não vão transmitir o jogo em local público. Motivo? Evitar conflitos de torcida, pois esse papo de país civilizado não tem torcida é mito...

Os torcedores do Real Madrid são maioria, e a maioria é turista, ou seja, japoneses, indianos e brasileiros (como eu), que não fazem ideia dos cantos do clube, por mais fánatico que seja por futebol... Admito que legal mesmo são os torcedores do Atlético de Madrid, que vão mandando os cantos da torcida onde quer que você cruze com eles.



Estação a caminho dos merengues #RealMadrid #HalaMadrid

Uma foto publicada por Luciano Portela (@lucianomochileiro) em

Luciano F1

Developer

Cras justo odio, dapibus ac facilisis in, egestas eget quam. Curabitur blandit tempus porttitor. Vivamus sagittis lacus vel augue laoreet rutrum faucibus dolor auctor.